Pensando Em Não Voltar Ao Trabalho Depois Da Licença Maternidade?

Voltar ou não voltar ao trabalho depois da licença maternidade?

Voltar Ao Trabalho Depois Da Licença Maternidade Talvez você esteja agora vivendo o que a um pouco mais de 2 anos, quando tive a minha primeira filha e fiquei balançada entre voltar ou não voltar ao trabalho após a licença maternidade. Foi um grande conflito. Ao mesmo tempo em que eu não me via longe da minha pequena, eu também não me via longe da minha vida profissional. E eu também não podia me dar ao luxo de abrir mão do meu salário. Quando a gente não tem escolha, a decisão está tomada. Então, eu me preparei psicologicamente e voltei.

Como eu não tinha com quem deixar a minha filha e pelo fato dela ter nascido prematura não poderia ir para a creche ainda, eu tive que mudar toda a minha vida e fui morar com a minha sogra, para que a minha cunhada que morava perto pudesse cuidar dela para mim.

No dia da volta, deixei a pequena na casa da minha cunhada e fui trabalhar. Não chorei, mas senti um vazio. Uma vez li que, depois que a gente vira mãe, nunca mais fecha a porta e vai. Um pedaço de você sempre fica. Meu pedaço ficou lá, com ela.

Confesso que os primeiros dias foram angustiantes, queria ligar toda hora para saber se ela estava bem e como eu trabalhava em escala de 12×36 passava o dia inteiro longe da minha pequena.

Por outro lado voltar a minha rotina antiga foi bom, afinal de contas desde que a minha pequena foi para casa eu não fazia outra coisa além de cuidar dela e da casa.

No trabalho, foi ótimo sair do modo mãe e entrar no modo profissional. Também foi ótimo ter mais um motivos para voltar para casa. Mais eu não estava feliz e já não queria aquela vida pra mim em me dividir entre casa e trabalho.

Foi nesse momento que conheci o Marketing Digital e coloquei na minha cabeça que eu queria empreender em casa. Poder trabalhar em casa e cuidar da minha pequena era um sonho que eu desejava que se tornasse realidade.

Foi após ter sido demitida que tomei coragem e montei o meu negócio online, confesso que no começo foi muito difícil, principalmente em apreender a me organizar entre cuidar da casa e dos negócios, mais eu consegui.

E da mesma forma que eu consegui, tenho certeza que você consegue também, trabalhar com Marketing Digital e um trabalho muito simples e que não exige muitas horas de dedicação, por isso é possível conciliar com a sua atividade atual.

É isso mesmo, conciliar. Eu não recomendo que você largue de uma vez o seu trabalho, a não ser que você tenha outra forma de se manter e manter o seu filho.
É muito importante que você se pergunte: “O que desejo para mim? Que decisões e providências quero e/ou necessito tomar agora? Como me sinto mais confortável?. Assim, as angústias vão sendo pensadas e, como consequência, as decisões serão tomadas com mais tranquilidade”.

E não tome a decisão sozinha, divida com o pai do seu filho a responsabilidade pela escolha de deixar ou não de trabalhar. Assim vocês vão dividindo tudo o que diz respeito aos filhos desde o começo.

Se você quer saber como montar um negócio em casa, clique aqui!

Luziane Lima

Sou Casada, Mãe de uma linda menina que nasceu prematura aos 6 meses de gestação, motivo que me levou a começar o meu negócio em casa. Sou completamente apaixonada pelo meu trabalho e tenho como objetivo ajudar outras mães a iniciarem o seu negócio.

Website: http://mamaehomeoffice.com.br/sobre/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *